30 de novembro de 2014

Justiça decreta indisponibilidade dos bens do prefeito de Pendências

ivan padilha

O juiz de Pendências, Marco Antônio Mendes Ribeiro, atendeu pedido do Ministério Público Estadual e decretou a indisponibilidade dos bens do prefeito daquele município, Ivan Padilha de Sousa, e de outras nove pessoas citadas no processo que apura supostos desvios de recursos públicos na ordem de R$ 372.796,87, através de fraude em licitações para contratação de empresas.
O esquema foi alvo da Operação Sanctus, deflagrada em 07 de outubro deste ano, pelo MP com apoio da Policia Militar. Além do bloqueio dos bens de Padilha, também foi pedido o afastamento imediato de suas funções de gestor, mas o magistrado não entendeu haver necessidade.

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!