24 de novembro de 2014

Ministério Público vai apurar nomeações para cargos comissionados na Prefeitura de Ouro Branco

Ouro Branco Eurinete
O promotor de Justiça, Glaucio Pinto Garcia iniciou uma nova investigação na Prefeitura Municipal de Ouro Branco. No foco, apurar a regularidade das nomeações de servidores para exercerem cargos comissionados. Há indícios de que houve nomeações para cargos que não foram criados por lei. O promotor apresentou alguns desses cargos, com base em informações solicitadas a Câmara Municipal, de acordo com inquérito que foi aberto.

A prefeita Fátima Araújo (PT) já foi notificada para que se manifeste, acerca dos fatos apurados. Também o promotor solicitou que ela apresente cópias das leis que criam e definem as atribuições de todos os cargos constantes da relação de servidores apresentada pela Secretaria Municipal de Administração.
E a presidente da Câmara, Eurinete Santos (PHS), atendendo o promotor, encaminhou uma lista de cargos que não constam na relação de cargos criados por lei, tais como: Diretor de Serviços Farmacêuticos ( Maria Cristina Nogueira); Chefe do Clube de Idosos (Rodrigo dos Santos Oliveira), Chefe de Cozinha Hospitalar (João Batista de Souza), Chefe de Processamento de Dados (Maria da Conceição de Medeiros da Silva) e Chefe do Programa Bolsa Família (Jorge Rafael de Medeiros Costa), entre outros.

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!