18 de janeiro de 2015

23 caçadores são presos pela caça predatória de arribaçãs

Vinte e três pessoas, todas suspeitas de estarem caçando arribaçãs, foram detidas por agentes do Ibama e da Polícia Rodoviária Federal na noite da última sexta-feira (16) numa fazenda no município de Santa Maria, distante aproximadamente 60 quilômetros de Natal. A arribaçã é uma espécie de pomba silvestre e que tem caça proibida.

Segundo o Ibama, junto com os caçadores foram encontrados mortos 1.343 arribaçãs, quatro rolinhas, dois nambus e uma ave chamada fura-barreira, todos pássaros silvestres. Também foram apreendidas 16 espingardas de pressão e cinco baladeiras. Junto dos caçadores estavam quatro adolescentes.

A PRF acrescentou que os detidos foram autuados por caça e/ou perseguição de fauna silvestre. A multa é de R$ 500 por unidade de animal abatido. Todos os envolvidos, incluindo os menores de idade, deverão responder na Justiça por crime ambiental. A pena pode chegar a um ano de detenção.

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!