12 de fevereiro de 2015

Prefeito mata mulher por ciúmes

prefeitopi

A Polícia Civil do estado do Piauí disse nesta quarta-feira (11) que José de Arimatéia, conhecido como Zé Simão (PT), prefeito de Lagoa do Sítio, a 240 km de Teresina, é o autor do tiro que matou a primeira-dama Gercineide Monteiro, de 34 anos, crime ocorrido na madrugada da terça-feira (10). Segundo a polícia, a empregada do casal, Noêmia Maria da Silva, de 46 anos, tinha um caso com o gestor e também tem participação no assassinato. Os dois serão investigados por homicídio duplamente qualificado pelos seguintes agravantes: vítima indefesa e motivo fútil.

Os suspeitos estão presos: José de Arimatéa na Delegacia de Polícia Interestadual (Polinter) e Noêmia na Penitenciária Feminina, ambos em Teresina. Os dois negam a autoria do crime e não foram indiciados pela Polícia Civil, que tem 30 dias para finalizar o inquérito. Caso sejam condenados pelo o homicídio, podem pegar até 30 anos de prisão. O advogado do prefeito, Lucas Villa, disse que está trabalhando na defesa de seu cliente e que não vai se pronunciar sobre o caso por enquanto. Noêmia Maria ainda não constituiu advogado para sua defesa. Segundo a polícia, o prefeito matou a mulher por ciúmes, ao suspeitar que era traído. As investigações mostram também que a empregada doméstica do casal Noêmia Maria participou do homicídio ao esconder a arma do crime.

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!