1 de maio de 2015

Caso F. Gomes: Ex-pastor deve ser julgado este ano de 2015

Ex-pastor evangélico continuará preso

Ex-pastor evangélico deve ser julgado ainda este ano de 2015

Ainda não tem data marcada, mas, deve acontecer este ano, o julgamento popular do ex-pastor evangélico, Gilson Neudo Soares do Amaral, que é réu no processo da morte do jornalista, F. Gomes. Ele já foi pronunciado pelo juiz criminal de Caicó, Luiz Cândido Villaça, e vai ser julgado.

A movimentação mais recente mostra uma separação processual. É que com a prolatação da sentença de pronuncia, o advogado, Rivaldo Dantas, que também é réu no caso, recorreu, enquanto Gilson Neudo, não. Por causa disso e, para não atrasar o andamento do processo, o magistrado decidiu separar a peça.

Atualmente, Gilson Neudo, está sob custódia do Estado, em uma prisão, à disposição da Justiça. O advogado, Rivaldo Dantas, está respondendo em liberdade.

O processo ainda tem outros réus. O comerciante, Lailson Lopes, foi condenado e cumpre pena, mas deve nos próximos meses, progredir do regime fechado para o semiaberto. O moto-taxista, João Francisco dos Santos “Dão”, também foi condenado e cumpre pena no Sistema Penitenciário do Rio Grande do Norte. Ele foi o autor material do crime, ou seja, foi quem assassinou o jornalista.

O jornalista, Francisco Gomes de Medeiros, foi morto na calçada de sua casa no dia 18 de outubro de 2010. Ele estava sentando quando o “Dão” se aproximou de moto, parou e abriu fogo. Depois de  efetuar os disparos, empreendeu fuga, foi preso, solto e preso no dia seguinte.

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!