5 de julho de 2016

Como seria o preço do carro sem imposto no Brasil


© Reprodução
Que tal pagar R$ 17,6 mil por um Chevrolet Onix zero km em vez dos R$ 39, mil cobrados na tabela; ou desembolsar R$ 31 mil por um Toyota Corolla novinho e não os R$ 68.7 mil pedidos pela versão de entrada?

Ok, você provavelmente nunca vai encontrar descontos generosos assim. Mas saiba que esses valores estão isentos da carga tributária que pesa sobre os preços dos automóveis no país.

Para você ter uma noção disso, calculamos o preço dos carros mais vendidos no Brasil em cada segmento sem os impostos (ou seja, com 54,8% menos) para você ter uma pequena ideia do quanto está pagando a mais (ou poderia economizar) pelo mesmo veículo.

Se você ainda embutir a margem de lucro maior que as montadoras colocam nos bólidos brasileiros (entre 5 a 10%), verá que chegam a pagar muito mais que o dobro do preço real. Confira a lista para você chorar!

O Chevrolet Onix iria de R$ 38.990 para R$ 17.623
O Volkswagen Gol passaria de R$ 36.190 para R$ 16.358
O sedã Chevrolet Prisma iria de R$ 45.190 para R$ 20.425
O hatch Volkswagen Golf passaria de R$ 74.590 para R$ 33.714
O Toyota Corolla baixaria de R$ 68.740 para R$ 31.070
O Honda Fit iria de R$ 54.900 para R$ 24.814
A Fiat Weekend teria seu preço reduzido de R$ 51.620 para R$ 23.332
O Jeep Renegade passaria de R$ 68.990 para R$ 31.183
A picape Fiat Strada iria de R$ 43.150 para R$ 19.503
A picape Toyota Hilux passaria de R$ 130.960 para R$ 59.193
O Volkswagen Fox iria de R$ 44.690 para R$ 20.200

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!