26 de junho de 2012

Anderson Silva promete 'violência nunca vista' contra Sonnen

A violência já começou. Na entevista coletiva concedida nesta segunda-feira por Anderson Silva foram aplicados contundentes golpes verbais em Chael Sonnen, adversário do brasileiro no UFC 148, em Las Vegas, no próximo dia 7.

Anderson Silva e Sonnen se encaram durante coletiva no Rio, em abril - Tasso Marcelo/AE - 23/04/2012

O "Spider", atual dono do cinturão dos médios, promete arrasar o desafeto. "Esse cara é um marginal, uma escória. Ele não merece estar no UFC. Ele teve problemas com a Justiça, teve problemas com doping, não respeita nada. Ele é um imbecil, e no dia 7 eu vou arrancar todos os dentes da boca dele".

Anderson promete uma exibição de violência como nunca se viu no octógono. "Vou enfiar a porrada nele. Acabou a brincadeira, acabou a falação. Não estou machucado, estou 100%. Vou expulsá-lo do UFC. Ele vai apanhar como nunca apanhou na vida. Tudo o que ele não apanhou do papai e da mamãe, ele vai apanhar de mim para aprender a não desrespeitar o país dos outros. Sei que ele está me ouvindo".

No primeiro duelo, Anderson reagiu no final, depois de ter levado a pior durante a maior parte do combate. Mas no reencontro entre os dois, ele promete arrasar Sonnen. "Por baixo por cima, do lado de pé, ele vai apanhar de novo e vai apanhar muito. Não tem conversinha. Ele vai engolir todos os dentes da boca dele. Depois que eu bater nele, muita gente vai ficar assustada com o que vai acontecer com o esporte. Vou fazer uma coisa que ninguém nunca fez dentro do UFC. Vou quebrar ele inteiro: braço quebrado, perna quebrada. Ele vai sair de maca lá de dentro. Vai precisar fazer uma plástica".

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!