22 de julho de 2012

Escândalo da Libertadores 2012, a compra do titulo!!!

Talvez, isso explique a razão do jogador Riquelme ter declarado a seguinte frase: "Se as pessoas soubessem o que aconteceu na Libertadores de 2012, ficariam enojadas!". Todos os anti-corinthianos ficaram chocados e tristes por assistir a maneira como o Boca perdeu a Libertadores. Não deveriam. O que está exposto abaixo é a notícia em primeira mão que está sendo investigada por rádios e jornais de todo o Brasil e alguns estrangeiros, mais especificamente Wall Street Journal of Americas e a VEJA e deve sair na mídia em breve, assim que as provas forem colhidas e confirmarem os fatos.

Fato comprovado:
O Boca VENDEU a Copa Libertadores para o Corinthias. Os jogadores titulares do Boca foram avisados, às 13:00 do dia 04 de Julho (dia do jogo final), em uma reunião envolvendo o Sr. Daniel Angelici (na única vez que o pr esidente do BOCA compareceu a uma preleção do time), o Técnico Julio César Falcioni, e o Sr. Chris Kypriotis, diretor geral da Nike do Brasil. Os jogadores reservas permaneceram em isolamento, em seus quartos ou no lobby do hotel.

A princípio muito contrariados, os jogadores se recusaram a trocar o sétimo titulo do campeonato Sulamericano por uma viagem para assistir a copa do mundo no Brasil. A aceitação veio através do pagamento total dos prêmios, US$140.000,00 para cada jogador, mais um bônus de US$800.000,00 para todos os jogadores e integrantes da comissão, num total de US$ 46.000.000,00 quarenta e seis milhões de dólares) através da empresa Nike.

Além disso, os jogadores que aceitassem o contrato com a empresa Nike nos próximos 4 anos teriam as mesmas bases de prêmios que os jogadores de elite da empresa, como o Cristiano Ronaldo, Xavi da Espanha, Messi da própria Argentina e Neymar, do Brasil. Mesmo assim, Roncaglia se recusou a jogar, o que obrigou o técnico Daniel Angelici a escalar o jogador Viatri, dizendo que Roncaglia estava com problemas no joelho esquerdo (em primeira notícia divulgada às 08:47 no centro de imprensa) e, logo depois, às 14:15, alterando o prognóstico associando o fato a venda para FIORENTINA).

Assim, combinou-se que o Boca seria derrotado durante a prorrogação, porém a apatia que se abateu sobre os jogadores titulares fez com que o Corinthians, marcasse, em duas falhas simples do time argentino. Porque será que o Maradona NÃO VEIO ao Brasil, para apoiar o time com toda a sua euforia???

Desde, já agradeço,
Um abraço.
Gunther Schweitzer
Central Globo de Jornalismo.

2 comentários:

  1. ISSO E UMA SAFADEZA

    ResponderExcluir
  2. ae parceiro, voce tambem caiu nessa pegadinha, essa historia é uma remontagem de um jogo da copa entre França e Brasil, ou seja tem um cara tirando onda com os blogueiros, tudo não passa de uma mentira, veja no link abaixo que tudo não passa de uma enganação.
    http://oparalelocampestre.blogspot.com.br/2012/07/mentira-sobre-o-corinthians-que-teria.html
    Um forte abraço do blogueiro parceiro JK

    ResponderExcluir

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!