1 de agosto de 2012

Governo libera mais de R$ 2,7 milhões para pesquisas científicas e tecnológicas

Governadora partipa de evento promovido por Bernardete Cordeiro [Fapern] - Elisa Elsie (3)

Durante o Seminário de Acompanhamento das Ações de Ciência, Tecnologia e Inovação do Governo do RN, realizado ontem(31) pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Norte (FAPERN), a governadora Rosalba Ciarlini anunciou o repasse de R$ 850 mil referente à contrapartida do Estado no convênio com o CNPq. No total foram liberados R$ 2,742 milhões para 114 pesquisadores contemplados na primeira etapa dos editais do Programa de Apoio a Núcleos Emergentes (Pronem) e Programa Primeiros Projetos (PPP).

Apresentando os dados consolidados do Sistema Estadual de Ciência e Tecnologia, a presidente da FAPERN, Maria Bernardete de Sousa, mostrou o empenho da Instituição em cumprir as metas estabelecidas para o período de 2011/2015 no Plano Estadual de CTI. A FAPERN tem atuado para o fortalecimento da formação dos recursos humanos em diferentes níveis, com a parceria com instituições de ensino e com o setor empresarial. “Nossos investimentos, tanto do ponto de vista acadêmico como do ponto de vista da interface das universidades com o setor empresarial está forte e nós precisamos agora tomar um pouco de fôlego para interiorizar um pouco mais essas ações, irmos às escolas e criar os programas chamados “Cientistas do Amanhã” para incluir as escolas do ensino médio junto conosco na construção desse cenário da Ciências e Tecnologia aqui do nosso estado”, explicou Bernardete.

A presidente também apresentou resultados do edital para apoio à pesquisa na pequena e micro empresa (Pappe Integração), desenvolvido em convênio com a Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), que destinou no ano de 2012 R$ 1,244 milhão para seis empresas desenvolverem seus projetos de inovação tecnológica. E também, até o final do ano, novo edital de cerca de R$ 2,7 mi deverão estar disponível para jovens empreendedores buscarem apoio para suas empresas e se firmarem no mercado com produtos ou processo inovadores.

A parceria com instituições como UFERSA, UERN, IFRN e UFRN também foi colocada em pauta, resaltando a importância do investimento nessas instituições e como está sendo investido todos os recursos destinados as mesmas.

O evento foi realizado no auditório da Secretaria Estadual de Educação (SEEC) e contou com a presença de grande número de pesquisadores e empresários, além de representantes de diversas secretarias de estado.

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!