28 de novembro de 2012

Prefeitura de Lajes Pintadas vai demitir servidores contratados a partir de dezembro

Passadas as eleições municipais 2012, a Prefeitura Municipal de Lajes Pintadas começa a tomar um rumo desagradável com a decisão do prefeito Nivaldo Alves (PR) de tentar economizar recursos para fechar as contas até o final do seu primeiro mandato. Alegando dificuldades financeiras, e com a justificativa que há uma necessidade de manter o equilíbrio das contas públicas, a Prefeitura vai demitir a partir do dia 1º de dezembro próximo os funcionários contratados e alguns comissionados que atuam nas diversas repartições do município, e que devem amargar a triste notícia da demissão.

Outra informação, segundo fonte, é que parte dos que serão demitidos ainda sofre com atraso de salário. A verdade é uma só, a maioria dos prefeitos do RN está com pagamentos de servidores e fornecedores atrasados depois da disputa eleitoral deste ano, e tem dificuldade de tocar a administração e admite que vai deixar restos a pagar aos sucessores. Essa situação das prefeituras, no final dos mandatos, preocupa os prefeitos, porque a Lei de Responsabilidade Fiscal exige que eles encerrem a administração com as contas equilibradas.

Mas, no embalo das demissões, o gestor municipal é quem fica em maus lençóis. Aqueles que perdem o cargo, não querem nem saber o motivo da demissão, mas, este não é o caso de Lajes Pintadas, pois o atual prefeito foi reeleito e sabia o que estava fazendo. Segundo uma fonte, a decisão foi tomada logo após o resultado das eleições, e só agora colocada em prática.

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!