18 de fevereiro de 2013

Criminosos da facção que atacou SC são transferidos para Mossoró

37 detentos que fazem parte da facção criminosa Primeiro Grupo Catarinense (PGC) foram transferidos para o presídio federal de Mossoró. A facção é responsável pelos recentes ataques ocorridos em todo estado de Santa Catarina.

No total, 37 detentos foram transferidos para Mossoró

Contando com um forte esquema policial, os criminosos aterrisaram no Aeroporto Dix-sept Rosado na tarde de sábado(16) e um forte esquema policial levou o comboio ao presídio, que fica a menos de 10 quilômetros da zona urbana de Mossoró. Todos os detentos são considerados de alta periculosidade.

A medida foi determinada pelo Ministério da Justiça e objetivou conter os ataques em Santa Catarina. De acordo com o ministro José Eduardo Cardozo, não havia outra alternativa, já que os bandidos comandavam os ataques de dentro dos presídios catarinenses.

O Primeiro Grupo Catarinense é responsável pelos vários ataques ocorridos desde janeiro em Santa Catarina, tanto na capital Florianópolis quanto no interior do Estado.

0 comentários:

Postar um comentário

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!