16 de fevereiro de 2013

Dr. Alessandru Alves prefeito de Campo Redondo, abre legislativo de 2013 com Mensagem Anual

Ontem(15), por volta das 19:00 horas o prefeito de Campo Redondo Dr. Alessandru Alves, esteve no plenário da Câmara Municipal para cumprir a Lei Orgânica do Município, e dar início ao período legislativo de 2013.

Dr. Alessandru Alves, fez uso da tribuna do plenário da Câmara Municipal para ler  a Mensagem Anual, onde relatou aos Edis, autoridades e população presentes, de como encontrou as finanças, os imóveis e a frota municipal deixados pela gestão passada. Em algumas partes do seu pronuncimento, os presentes ao plenário, poderam ver através de imagens o abandono em que se encontrava o município.

Aproveitou ainda o momento, para pedir a união através dos dois poderes em prol da reconstrução do município. E, finalizou, relatando as ações que pretende realizar neste ano de 2013.

Confira a seguir, a íntegra da Mensagem proferida pelo prefeito Dr. Alessandru Alves.

Leitura da Mensagem Feita pelo Exmo. Sr. Prefeito de Campo Redondo na Abertura dos Trabalhos Legislativos em 15 de fevereiro de 2013

Excelentíssimo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Campo Redondo, Ver. Dácio Gomes;

Excelentíssimo Senhor Vice-prefeito, Manoel Egídio;

Excelentíssimos Senhores Vereadores, Zé Ronaldo, João Batista, Everton Spargolli, Luiz Antonio, Janaina Félix, Erinaldo Telso, Reginaldo Moura e Silvânia Karla;

Ilustríssimos Senhores ex-prefeitos do nosso município;

Demais autoridades presentes nesta Casa;

Meus Senhores e Minhas Senhoras da nossa querida cidade de Campo Redondo;

É com imenso prazer que compareço a esta Casa de Leis para proferir a leitura da primeira Mensagem Executiva da administração municipal no quadriênio 2013/2016.

De início, esclareço a todos que me sinto muito a vontade nesta Casa, pois sou funcionário de carreira da Assembleia Legislativa do nosso Estado há mais de vinte anos, bem como, pelo fato de aqui encontrar vários amigos de caminhada e, sobretudo, em razão de me guiar pelo desejo do bem comum, pois quem, assim se guia, tem o direito de ter audácia e falar a verdade.

Cumpro neste momento a Lei Orgânica do Município e, portanto, tenho o dever de abrir os trabalhos legislativos desta Casa que além de legislar, fiscaliza o Poder Executivo externando um pouco do que pudemos apurar até o presente momento de como se encontra a situação da Prefeitura de Campo Redondo após a administração de meu antecessor.

Como todos sabem, sou um homem de desafios e não fujo a luta, mas sinceramente nunca imaginei encontrar a administração do nosso querido município em uma situação tão alarmante, desastrosa, irresponsável, calamitosa, precária e quase ingovernável, fruto de sucessivos atos ilegais e práticas criminal e civilmente que ao longo do tempo a Justiça tratará de ratificar o que já sabemos, aplicando as penalidades a quem se achou em erro.

Ora senhores vereadores, para exemplificar um pouco do que ora afirmo e todos sabem, recebemos uma herança maldita de uma dívida de cerca de R$ 700.000,00 (setecentos mil reais) com os salários atrasados dos servidores da educação, correspondente aos meses de novembro, dezembro e o décimo terceiro salário e, para agravar, uma decisão judicial que nos dá apenas e tão somente o prazo de 10 dias parar quitar toda a dívida com os citados funcionários. E aí, qual alternativa deve tomar um gestor público diante do caos instalado justamente numa área essencial a qualquer governo, como a educação? Neste grave problema, senhores vereadores, o que mais nos dói é saber que o dinheiro da educação para pagar os servidores foi depositado fielmente nas contas da prefeitura, mas infelizmente foi desviado e agora a Justiça obriga a mim, o atual gestor, a pagar a conta da qual não ajudei a gastar, e jamais o faria!

Na Saúde, encontramos outra situação precária, pois é de sapiência geral que o município não dispõe de um hospital e os antigos dirigentes da APAMI, instituição que sempre recebeu dinheiro público, não desejaram celebrar acordo com nossa administração em prol da população que necessita de cuidados de saúde.

Ora, para piorar a situação, descobrimos que os dirigentes da APAMI fizeram um empréstimo na instituição bancária Bradesco no valor de mais de R$ 143.000,00 (cento e quarenta e três mil reais), e quem paga o parcelamento é justamente a prefeitura, após mais um ato de irresponsabilidade com o dinheiro público, pactuado entre o ex-gestor municipal e a direção da APAMI, sendo descontado mensalmente R$ 6.134,17 (seis mil cento e trinta e quatro reais e dezessete centavos) dos cofres do município.

É um absurdo! Mas absurdo maior eu vos digo que num determinado dia faltou uma medicação específica na urgência do Centro de Saúde, para socorrer a vida de um jovem camporedondense que aparentava traços de um infarto, e, tivemos conhecimento que a medicação existia na farmácia da APAMI, no entanto, encaminhamos o jovem para atendimento em outro município, porque nos foi negado o remédio que se encontrava na farmácia da APAMI, (um simples frasco de Adrenalina), que naquele momento resultava entre a vida e a morte daquele adolescente. vale ressaltar a todos que estão presentes a da prefeitura para dar a uma criança que se encontrava passando mal e, ao sabermos que o dito remédio tinha na APAMI, tratamos de pedi-lo emprestado através de nossos servidores, mas pasmem, foi negado! Justamente um adolescente que o destino poderia fazer ser um filho de qualquer um de nós aqui presente.

Não encontramos dinheiro nas contas da prefeitura, mas nos deparamos com o pagamento de empréstimos consignados de 21 pessoas que nem servidores da prefeitura eram mais, num claro desvio de dinheiro do povo e malversação de dinheiro público, que causava um prejuízo mensal aos cofres municipais de R$ 6.078,94 (seis mil e setenta e oito reais e noventa e quatro centavos).

Além disso, Senhor Presidente, 08 (oito) agraciados servidores tinham seus empréstimos consignados regularmente pagos pela Prefeitura, cujo, os valores não eram descontados de seus contracheques, só ai existia um desvio mensal de R$ 1.615,55 (hum mil seiscentos e quinze reais e cinqüenta e cinco centavos). Infelizmente senhor presidente não tivemos outra alternativa há não ser solicitar a abertura de sindicância para apurar os possíveis desvios e embasar as ações civis e criminais que vamos dá entrada no Fórum competente. Quem surrupia o dinheiro público não pode ficar impune.

Permitam-me senhores vereadores, citar somente dois casos de mal uso do dinheiro publico, entre tantos existentes: o convenio do FNDE para construção da Creche localizada no conjunto Lauro Maia, foi transferido irregularmente a quantia de R$ 120.000,00 para a conta de pagamento de pessoal da prefeitura; e o outro meus senhores, foi mais descabido ainda, o ex-gestor teve a ousadia, desafiando os órgãos fiscalizadores do poder público, transferindo indevidamente da conta do convenio para a construção de um Pólo de Academia de Saúde no município, a importância de R$ 15.000,00, para a conta da Média e Alta Complexidade do município, e achando que não seria descoberta tal fraude, transferiu o referido valor para a conta da APAMI do município. Estando este gestor impossibilitado de concluir a obra da Academia de Saúde, por não existir meios humanamente legais de se prestar contas do referido convenio.

Na sede da Prefeitura não encontramos nenhum documento contábil (Notas de empenho, Notas de Pagamento, Notas Fiscais, etc), correspondente aos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro, e os que encontramos do ano de 2012 estão incompletos, faltando assinaturas, peças de empenho, e etc. Prejudicando a continuação regular da administração municipal que fica impossibilitada de firmar convênios com as esferas estadual e federal, pela inadimplência do CAUC.

Encontramos uma frota automobilística pequena e totalmente sucateada, com pneus carecas e motores quase batidos e, ainda, não conseguimos descobrir onde foi usado o dinheiro arrecadado com a venda dos veículos através do leilão autorizado por esta Casa, cujo fim era comprar uma ambulância nova que nunca veio, e o dinheiro simplesmente sumiu, deixando o município apenas com uma ambulância funcionando precariamente, de modo que se houver necessidade de dois camporedondenses usá-la ao mesmo tempo, não sabemos o que poderá acontecer.

O Ginásio de Esportes estava com o fornecimento de luz interrompido e havia um popular gato, onde um particular usava energia elétrica paga pela prefeitura. Onde consta na COSERN uma multa de mais de R$ 8.000,00, correspondente ao gato citado anteriormente. A situação física do ginásio Adautão está tão precária que as pastilhas colocadas na anteriormente, estão se descolando, chegando a causar acidentes a populares que passem por perto, como foi o caso da cobertura que se soltou e por pouco não causou uma tragédia a um popular. No entanto, com muito esforço e seriedade, estamos realizando a reforma do Ginásio Adautão, que é a principal praça de esportes de nosso município, para trazer lazer e divertimento aos desportistas de nosso município.

Já o Estádio de futebol estava sem funcionar, e aos poucos estamos resgatando para os desportistas, onde neste primeiro mês, colocamos a nossa equipe de máster no campeonato regional. E com certeza, transformaremos o estádio Beira-Rio numa das melhores praças futebolísticas de nossa região.

Com tristeza e preocupação, digo-vos que o município de Campo Redondo é réu em mais de 1.000 processos judiciais, uma quantidade exorbitante para um município do nosso porte e que podem comprometer nossas finanças e pagamento em dia do funcionalismo.

Estes são apenas alguns tristes e graves exemplos de como se encontra o nosso município, onde até mesmo a construção do posto de saúde do conjunto Lauro Maia, bem como, a praça de eventos e o calçamento do conjunto Campo belo encontram-se interrompidos, devido a desmandos administrativos da gestão passada.

Justamente por isso, caros vereadores que amam nossa terra, que é hora de darmos as mãos e trabalharmos em prol do povo e para o povo, pois sinto, como os senhores também devem sentir, portador de grande credibilidade e esperança depositada pelo povo é uma responsabilidade a mais e, ao ensejo, agradeço e reconheço sua importância na trajetória desta caminhada que iniciamos.

Desejo senhor Presidente, que a partir de agora não existam mais em nosso município, o grupo dos dois, o grupo dos quatro, o grupo dos cinco ou até mesmo o grupo dos seis, mas tão somente, o grupo de onze pessoas (Eu, Egídio e os Nove Vereadores) que são detentoras de mandato popular para trabalhar a favor do povo de Campo Redondo.

Muitos de nós não partilhamos as mesmas ideias e, muitas vezes, inclusive, temos pensamentos opostos, mas, de uma coisa eu tenho plena certeza: TODOS nos esforçamos pelo bem da nossa cidade. Só conheço uma maneira de administrar Campo Redondo, que é focando todas as nossas ações e esforços, no objetivo maior de melhorar a vida dos camporedondenses, especialmente a dos que mais precisam. Esta é a maior missão que esta gestão tem e que já foi transmitida para todas as secretarias. Eu tenho certeza de que, juntos vamos conseguir melhorar a cidade dia-a-dia. Vamos arregaçar as mangas sem perder de vista que nosso povo tem sonhos, necessidades e direitos.

O que esperar da nossa gestão? Esperem responsabilidade, comprometimento e muito, muito trabalho. Vamos respeitar os reais interesses da população e procurar meios eficazes para desenvolver cada rua, cada camporedondense, porque gente também se desenvolve e é essa gente desenvolvida que faz a cidade crescer. Vamos desenvolver a cidade em suas particularidades, seja por meio de obras estruturantes ou mesmo pela elaboração de políticas públicas sólidas e comprometidas, afim de que nossos serviços cheguem de forma mais rápida e eficiente até a população.

Tenho tranquilidade e consciência em afirmar que, com planejamento, utilização criteriosa dos recursos públicos, conseguiremos fazer mais e melhor em todas as áreas, principalmente a saúde e educação que defino aqui como prioridades para os próximos quatro anos. As demandas, em uma cidade em desenvolvimento como Campo Redondo, aumentam todo dia, mais investimentos na saúde, mais segurança, mais eficiência na educação, mais ações de trabalho para a agricultura. Afirmo que, em vez de me intimidarem, esses desafios me encorajam. Podemos e vamos fazer um sistema público municipal eficientizado e humanizado. Com aplicação, com responsabilidade e dedicação as necessidades de toda a cidade, principalmente dos que mais precisam.

Tenho plena consciência do que estou enfrentando e vou enfrentar. Me sinto preparado para realizar as ações e obras que o nosso município precisa para verdadeiramente nos orgulharmos de morar em uma cidade com qualidade de vida. Campo Redondo exige respeito! E isto terá. Quero apresentar a Vossas Excelências e ao povo de Campo Redondo, o desmantelo administrativo e a falta de compromisso com os serviços públicos essenciais deixados pela gestão anterior: finanças sem transparência, obras paradas, factoides e obras improvisadas de véspera de eleição, equipamentos públicos sucateados, abandonados, salários atrasados, saúde estagnada, enfim, um verdadeiro caos, deixado de forma leviana pela gestão anterior.

O tempo de crescimento em todas as áreas vai voltar, para tanto contamos com projetos, programas e ações que fizeram parte do nosso plano de governo e que agora já podem tornar-se realidade. Mas para que este crescimento aconteça não podemos nos dividir em grupos, precisamos unir forças, porque a nossa prioridade é o povo que é a mola propulsora de todos os benefícios que uma cidade pode e deve ganhar.

SAÚDE

O que vamos fazer:

· Informatizar todos os postos de saúde com um Software para registrar e cadastrar todos os pacientes com seus dados pessoais e prontuário de atendimento clínico, permitindo portabilidade do histórico médico de cada atendimento, com sigilo assegurado para o cidadão;

· Dentro dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio da ONU, aperfeiçoar ações visando reduzir a mortalidade infantil, monitorar a saúde das gestantes, combater as doenças com medicina preventiva;

· Reorganizar o atendimento de saúde, visando reduzir o tempo de espera em filas para atendimento, consultas e exames;

· Ampliar a lista de medicamentos de distribuição gratuita e acrescentar outros suprimentos para portadores de necessidades especiais;

· Desenvolver ou melhorar programas de atenção ao idoso; de combate ao tabagismo e de orientação para evitar a gravidez precoce;

EDUCAÇÃO

Os desafios são muitos, no entanto já conseguimos:

· Com uma campanha de matrículas, a chamada pública e o compromisso de resgatar a educação da rede municipal de ensino, já estamos até a data de hoje com uma matrícula de 1.171 alunos;

· Apesar da decisão judicial a favor dos educadores, Odilon, advogado do SINTE-RN, reconheceu a aludida impossibilidade de pagamento à vista dos salários atrasados (novembro, dezembro e 13º), e pontuou ainda sobre a possibilidade de uma inviabilidade administrativa de toda a gestão municipal, caso a juíza da comarca de Santa Cruz determinasse o bloqueio de todas as contas do município e os educadores em assembleia acordaram pelo prazo de 40 dias para ser apresentada, concretamente, a forma de pagamento dos salários em atraso, e já estamos realizando estudo de forma de pagamento para apresentar a comissão de reorganização de pagamento;

· O diagnóstico das condições físicas, hidrossanitárias e elétricas e de material das escolas urbanas e rurais para atender ao quantitativo de alunos matriculados, a disponibilidade de mobiliário escolar, de livros didáticos e de equipamentos e material de apoio didático;

· Estamos realizando uma reforma com ampliação, respeitando a acessibilidade e os padrões de qualidade na escola municipal Aída Ramalho Cortez, que aqui na zona urbana foi o símbolo do descaso, da gestão anterior, com a educação municipal;

· Limpeza, recuperação, manutenção e abastecimento com água potável das escolas das escolas rurais que há anos não eram abastecidas;

· Manutenção das instalações elétricas das Escolas Municipais Angelina Aurina da Silva e José Marcílio Furtado aqui na zona urbana e de todas as escolas da zona rural do nosso município;

· Restauração de mais de cem carteiras escolares, de mesas e cadeiras da educação infantil, birôs e mesas das escolas da zona urbana;

· Efetuar o pagamento da folha de janeiro, no dia 25/01, já com o enquadramento das letras de todos os educadores, direito que há anos era negado aos professores;

· A folha de fevereiro dos servidores da educação já foi elaborada com o enquadramento dos níveis de todos os professores da rede que nos últimos anos vivenciaram a negação desse direito prescrito no plano de cargos, carreira e salários e assim que os recursos forem suficientes o pagamento da folha de fevereiro será executado e dentro do mês;

· Celebração de convênio e recebimento de um ônibus adquirido pelo Governo do Estado através do Programa Caminhos da Escola para o transporte escolar de até 60 estudantes da educação básica;

E ainda faremos:

· Programa de valorização de professores, envolvendo a realização de cursos, seminários, conferências de atualização e aperfeiçoamento;

· Valorizar os profissionais da educação, fortalecendo seu plano de carreira, reconhecendo seus esforços com uma política salarial mais adequada e com aperfeiçoamento contínuo;

· Informatizar as escolas

· Fortalecer o programa da merenda escolar, diversificando o cardápio e os alimentos com produtos da agricultura familiar;

· Manter e aperfeiçoar o Programa de Transporte Escolar Gratuito, colocando veículos que tragam segurança no transporte dos alunos da rede municipal, devidamente inspecionados, com mais segurança e comodidade para os usuários;

· Iremos ainda trabalhar na valorização do esporte, reformas, iluminação e cobertura das quadras já existentes;

· Valorizar e incentivar a prática de outras modalidades esportivas como: karatê, capoeira, voleibol, atletismo, basquete e outros;

ASSISTÊNCIA SOCIAL

· Ampliar os programas de transferência de renda integrados com programas de emancipação;

· Desenvolver atividades educativas e de saúde as pessoas da terceira idade;

· Desenvolvimento de um programa efetivo de prevenção ao uso de drogas e reconhecendo a Semana Municipal de Combate e Prevenção as Drogas;

· Aperfeiçoar os programas de atenção aos idosos e portadores de necessidades especiais;

· Levaremos moradia digna a população, com saneamento básico, iluminação, pavimentação, calçamento e equipamentos públicos à população, melhorando o aspecto dos bairros;

· Criar um cadastro único de pessoas que não tenham casa própria e que sejam considerados de baixa renda para aquisição gratuita de unidades habitacionais através dos diversos programas do Governo Estadual e Federal, a fim de acabar com déficit habitacional;

· Promover a inserção profissional de jovens de baixa renda através de programas de orientação para o trabalho e capacitação por demanda de mercado;

INFRAESTRUTURA

· Realizar campanhas educativas para conscientizar a população sobre a limpeza da cidade e a importância da reciclagem do lixo;

· Ampliar o programa de iluminação de destaque, valorizando pontos importantes da cidade;

· Realizar a arborização e o ajardinamento dos espaços públicos e orientar sua adequada conservação;

· Melhorar as condições de acessibilidade nas calçadas e passeios públicos;

· Realizar ações de revitalização do centro da cidade, induzindo o uso habitacional e as atividades ligadas a serviços, comércios, entretenimento e cultura, recuperando os espaços públicos e preservando o patrimônio histórico;

· Urbanizar e padronizar as praças de nosso município;

· Melhorar o aspecto urbanístico da cidade com investimentos na recuperação de estradas, calçamentos, recapeamento asfáltico, iluminação, arborização e jardinagem;

AGRICULTURA

· Realizar o cadastro de todos os agricultores para ter acesso gratuito ao Programa de Corte de Terra, sementes e mudas frutíferas para plantio no período de chuvas;

· Realizar levantamento de todos os poços tubulares já existentes para posterior reforma, perfuração e instalação de novos poços;

· Abastecimento de água através de carros pipas para as comunidades mais distantes e necessitadas;

· Construir cisternas em parceria com os governos Federal e Estadual para os agricultores que ainda não foram beneficiados no município;

É senhores vereadores e amigos, por tudo o que disse, por tudo o que li e por tudo o que represento, desejo, ao final do meu mandato, entrar para a história de nossa cidade, que no próximo mês completa 50 anos, como o prefeito que honrou a palavra, respeitou as leis e trabalhou para o povo, pelo povo e pensando no povo, pois Campo Redondo não é mais a triste realidade do governo da gente, Campo Redondo agora é do POVO.

Um comentário:

  1. Aproveitando-se da atmosfera carnavalesca, onde tudo é possível e permitido, a mulher de um ex-candidato a vereador de uma cidade do Cariri paraibano, fez sexo explícito com o amante dentro do banheiro de um bar daquele município na madrugada de terça-feira passada (12). Um gaiato foi lá e ainda tirou a foto acima.

    A fornicação rolava solta quando a esposa do político, que estava embriagada, beijava na boca do jovem amante por trás de uma barraca que fica no meio da rua. Em seguida, ambos foram para um bar, quando escapuliram para o banheiro e começaram a sessão de sexo explícito.

    Irritado com a pouca vergonha, o dono do estabelecimento disse uns desaforos ao casal inoportuno e, atuo ocntínuo, populares foram levar a esposa infiel até ao seu lar e a deixaram na porta de casa, onde o ‘corno’ dormia. O assunto é o mais comentado da cidade na atualidade e as risadas e galhofas são inevitáveis.


    Cariri Ligado
    Publicada por Marcos Felipe em 11:40
    Enviar por e-mailBlogThis!Compartilhar no TwitterCompartilhar no FacebookCompartilhar no Orkut
    2 comentários:

    Anônimo15/02/2013 20:12:00

    a mesma coisa aconteceu com um atual vereador de campo redondo.
    Responder
    Anônimo15/02/2013 20:18:00

    JARLENE É A ESPOSA DO VEREADOR ERINALDO TELSO, FOI PEGA PELO PRÓPRIO COM UM AMANTE... ELE JÁ VIU TARDE POR QUE A CIDADE INTEIRA JÁ SABIA... MÔOOOO.....
    Responder

    ResponderExcluir

SUA OPNIÃO É MUITO IMPORTANTE!